Sanzza – Creative Agency

Os principais erros que não pode cometer em Gestão de Redes Sociais

Certos erros em Gestão de Redes Sociais podem estar a impedir a sua empresa de aumentar a visibilidade, notoriedade e carteira de clientes. Podem estar a dar prejuízo em vez de receitas. Podem estar, definitivamente, a afastar os seguidores em vez de os aproximar da sua marca. E por isso, podem e devem ser corrigidos para que os seus perfis em redes sociais sejam eficientes e tragam resultados positivos.

O que interessa se a sua empresa está presente nas principais redes sociais se não consegue aproveitar todo o potencial destas plataformas para atrair mais leads e conquistar e fidelizar mais clientes? Não interessa nada! Se continuar a ignorar os erros em Gestão de Redes Sociais, vai continuar a gastar tempo e dinheiro quando podia estar, neste momento, a ter retorno no seu investimento!

Erros em Gestão de Redes Sociais

1. Não saber para quem está a postar

Por muito bons que sejam os seus conteúdos para social media, se não conhecer bem a sua audiência vai publicá-los à toa. Isso porque a primeira coisa a fazer, antes de se por a escrever e a tirar fotografias, é conhecer a fundo o seu público em cada rede social. Só assim conseguirá adequar os posts da sua empresa aos interesses, necessidades e linguagem dessas pessoas (de uma linguagem mais informal e descontraída a uma linguagem mais técnica e cuidada).

2. Querer marcar presença em todas as redes sociais

Nem pense nisso! Para quê marcar presença em todas as redes sociais se o público-alvo da sua empresa só está numa ou duas plataformas? Efetivamente, por muito atraente que seja a ideia de ter um perfil em muitas redes sociais, ao nível de Marketing Digital não é uma boa estratégia. Não faz sentido investir tempo, esforço e dinheiro em redes onde não há ninguém, ou quase ninguém, interessado no seu produto ou serviço.

3. Usar a mesma estratégia em diferentes redes sociais

Se a sua empresa estiver ativa em diferentes redes sociais, não pode usar a mesma estratégia para as gerir a todas! E explicamos porquê: cada rede social tem as suas especificidades e públicos-alvo distintos. No Facebook, por exemplo, deve usar mais conteúdos escritos do que no Instagram onde deve privilegiar fotografias. Já no Twitter as suas mensagens têm de ser curtas e no LinkedIn mais extensas e direcionadas às corporações. No YouTube deve investir em vídeos… e por aí fora! Por isso, nada de replicar conteúdos em redes sociais para poupar tempo e esforço à sua equipa de Marketing Digital. Ao invés, estimule-a a conhecer a fundo cada uma das redes sociais onde a sua empresa tem um perfil ativo para planear e desenvolver os conteúdos mais adequados, aqueles que geram interações e captam leads!

4. Não ter uma frequência de publicação definida

Hoje publicou três posts de seguida, mas a semana passada não publicou nenhum? Esqueça essa forma aleatória de trabalhar! Cada rede social tem a sua periodicidade ideal de publicação e a sua empresa deve respeitar e cumprir para atingir objetivos de Marketing Digital. Se fizer demasiadas publicações corre o risco de ser insistente e cansar o seu público, mas se fizer poucas publicações, corre o risco de perder os seus seguidores e votar a sua marca ao esquecimento. O meio-termo, uma publicação moderada (por exemplo, de um post por dia) é o melhor caminho, não obstante, a frequência de postagem também variar consoante a rede social, a área de negócio e o tipo de potenciais clientes da sua empresa.

5. Não interagir com a sua audiência

Interagir com a sua audiência é fundamental para obter bons resultados para o negócio em redes sociais. Aliás, o objetivo é mesmo esse: comunicar, relacionar, trocar ideias, informar, educar, divertir e esclarecer as dúvidas das pessoas. Se ao invés, ignorar os comentários dos seus seguidores, está a ignorar o potencial das redes sociais e as necessidades dos utilizadores que querem que lhes dê atenção e um atendimento rápido e personalizado. Por isso escreva, agradeça o interesse, resolva reclamações, elogie, mas nunca deixe um seguidor sem resposta. Lembre-se de que os relacionamentos positivos e duradouros que conseguir estabelecer nas redes sociais podem garantir-lhe a conquista e fidelização de clientes.

Aproveite para ler também o nosso artigo sobre como lidar com reclamações em redes sociais.

6. Não monitorizar resultados

Mesmo que esteja a publicar com a frequência devida e a promover interações com o seu público, se não recolher e analisar os dados da performance da sua empresa em cada rede social em que está ativa, não consegue perceber se está a atingir os seus objetivos de Marketing Digital ou se ficou pelo caminho.
A monitorização constante de publicações, de likes, partilhas, comentários, cliques em links, etc, é o que lhe vai dar insights significativos sobre a sua Gestão de Redes Sociais numa época em que os gostos e interesses dos consumidores estão sempre a alterar-se e em que para os acompanhar precisa de garantir que as suas ações são conduzidas na direção certa. Na direção do sucesso do seu negócio!

7. Não aceitar a ajuda de empresas especializadas em Gestão de Redes Sociais

E por fim, um erro comum a muitos empresários que gostam de se desenvencilhar com a “prata da casa”: não procurar a ajuda de profissionais especializados na Gestão de Redes Sociais, capazes de garantir um bom retorno sobre o investimento e, claro, libertá-lo para tarefas que só você pode desempenhar na senda da gestão do negócio. 

Aceite a nossa ajuda! Somos especialistas em Gestão de Redes Sociais.

Scroll Up

Receba dicas exclusivas, e-books de Marketing Digital e diversos documentos de apoio. Inscreva-se na nossa Lista VIP e fique a par de todas as novidades do mundo digital!